Um pouco do segundo dia de C.A.O.S.

Bom, domingo foi o segundo e último dia de Convenção Anime Otaku Sekai em Uberaba. Depois de um ano de espera, foi a hora de ver a evo...



Bom, domingo foi o segundo e último dia de Convenção Anime Otaku Sekai em Uberaba. Depois de um ano de espera, foi a hora de ver a evolução do evento.


Estrutura muito maior, dois dias de evento. Com grande poder vem grandes responsabilidades já dizia o Tio Ben... E logo de cara vi que os meninos entenderam o espírito da responsabilidade: Na entrada do evento, seguranças uniformizados faziam a revista das mochilas. até minha bolsinha de lona de caminhão que não cabe quase nada foi devidamente revistada, com toda a educação e respeito, claro. Como chegamos perto do meio dia, não sei como foi a entrada das caravanas, se alguém souber, dá o grito aí e conta como foi.

Lá dentro, ainda pouca gente. O dia estava chuvoso, frio, embaçado, nada convidativo, mas já havia vários cosplayers por lá. Uma grata surpresa foi ver um grande número de cosplays de Final Fantasy, achei lindo.

Fiquei inicialmente na quadra onde estavam as barracas. Combo pelúcia, camiseta e bottom em 99%. Senti falta das barracas com perucas, lentes, canecas, essas coisas. 

 
 


Tinha um espaço para arqueirismo. AMEI!. Primeiro eu não queria atirar de jeito nenhum, mas como já tinha pago, assim que o Mariano fez seus três disparos, lá fui eu disparar também. Demorei pra pegar o jeito, mas acabei ganhando um tiro extra por ter acertado o X no centro do alvo. Vou acabar arrumando um trem desses pra aliviar o stress lá no meu quintal, ahahahahaha
 

O Porta volumes era gratuito, ôh coisa linda de Deus. Deixamos os capacetes e a mochila com as capas de chuva lá e continuamos nosso rolê. Sala de jogos, sala de Lol, sala de desenho, cine Anime, sala de rpg, Animeokê, sala de Just Dance e a maledeta sala de card games que devorou meu marido. Mariano passou a maior parte da tarde lá, jogando Yu Gi Oh! Tinha a área Zumbi mas eu não entrei lá pra ver qual era :( . 
Ah e também tinha a sala de apoio ao cosplayer. Quando eu faço cosplay nunca tem essas coisas mimimi.

 

 


Voltei para as quadras e fui curtir o show da banda B4. Acabei com a garganta cantando músicas de Charlie Brown Jr, CPM22, Pitty... Fantástico o show, fantástico. Mais tarde a apresentação de Ricardo Júnior, com direito a participação especialíssima de Ricardo Cruz, nem eu sabia que eu sabia tantas letras de anime, lá se foi mais um tanto da garganta.

Outras atrações do dia: o dublador Yuri Chesman, a banda de Visual Rock Surge out of Desperation e a nossa querida banda Shinokami. Batalhas campais, sim claro, teve também.
Surge out of Desperation

Ah! Outra coisa linda de Deus! Você não precisava deixar um rim nas barracas de alimentação. Tinha combo salgado + lata de refri por 5 dilmas e um yakissoba legalzinho por R$8,00. Se bem que o Mariano ainda insiste que o meu yakissoba é melhor. Mas esse pelo menos não estava pingando litros de gordura, feito o que comemos no Ribeirão Preto Anime Fest.

Aí pra não falar que não reclamei, a minha implicância com eventos de dois dias se mantém. Não adianta, o domingo sempre é mais caidinho, nem todo mundo tem grana pra ir nos dois dias. Somando-se a isso o fato de que a Uniube é muito grande e os blocos Q e N ficam um pouco distantes das quadras, além de ficar um pouco cansativo pra transitar de um ambiente pro outro, acabava dando a impressão de que tinha menos gente do que o esperado. E outra, agora pensando no lado dos expositores. O domingo sendo menos movimentado, claro rendeu menos. Acredito que o que foi vendido nos dois dias, seria vantajoso se vendido num dia só. Eu ainda creio que Uberaba não tem público pra um evento de dois dias. Mesmo com a galera que veio de outras cidades. O Ribeirão Preto Anime Fest de agosto teve média de 15 mil pessoas e foi um dia só. Já que a intenção do pessoal é fazer duas edições da C.A.O.S no ano que vem, eu acho que convém apostar ao menos na primeira, como um evento de um único dia.


No mais, só parabenizar os meninos. É muito bom ver que tem gente com vontade e disposição pra sair do marasmo e fazer as coisas acontecerem. Ficar reclamando que Uberaba não tem nada é fácil, ficar pondo defeito no que é feito é mais fácil ainda. Difícil é descolar a bunda da cadeira e trabalhar para mudar as coisas. O evento teve duas edições e agora é fazer ele se manter vivo e crescendo sempre. 

E vamos esperar o CAOS do ano que vem! E eu vou criar vergonha na cara e preparar novos cosplays, ir de civil nesses eventos é muito chato, rsrsrs

 

 

 



 


 

 

 




 

 

 

 







 



 

 


Pode ser interessante para você

1 comentários

#ad

Flickr Images

Web Analytics