Onde estão os profissionais em TI?

Essa semana, assistindo ao Jornal da Globo, vi uma matéria sobre um assunto que não é novidade; a falta de profissionais em tecnologia de i...


Essa semana, assistindo ao Jornal da Globo, vi uma matéria sobre um assunto que não é novidade; a falta de profissionais em tecnologia de informação.

O setor de serviços em TI vem na contra mão do mercado, com um número de vagas difícil de preencher; não se encontra mão de obra qualificada e como nem sempre os salários são atrativos, muitos bom profissionais da área preferem trabalhar como free lancers.


Para ser um profissional em TI não é necessário ter graduação; conheço bons profissionais, bem remunerados, que nem ao menos possuem o técnico em informática, são autodidatas. Mas é claro, a formação acadêmica mesmo sem ser obrigatória, pode se mostrar determinante para a contratação ou não do profissional.

Para os que querem se graduar na área, já aviso que não é um curso fácil; se você tem urticária só de pensar em uma função quadrática, pode esquecer, gostar e dominar a matemática é indispensável; é preciso também disciplina para estudar em casa; a faculdade dá a base, mas sem a prática, não se forma um profissional em tecnologia, até porque, a faculdade forma um profissional generalista, o especialista se forma apartir do momento em que o aluno escolhe uma especialidade dentro da informática; você pode ser desde um profissional de help desk até um analista de mídias sociais, uma das mais novas profissões do setor de TI, mas nada vai cair no seu colo, você é quem deve correr atrás.

É necessário também que o profissional em TI se valorize e se organize melhor; prestei concurso para uma empresa do setor, mas como auxiliar administrativo, e o salário era exatamente o mesmo que o oferecido para candidatos a vaga de web designer; há realmente uma grande procura por profissionais de TI, mas nem todas as empresas conseguem entender a importância desse profissional e continuam oferecendo salários próprios de profissionais sem qualificação; não é justo que alguém que meramente terminou o ensino médio, receba o mesmo que alguém que se qualificou dentro de uma determinada área, seja através de curso técnico ou ensino superior.


Então, se você está de olho em uma das 40 a 50 mil vagas de trabalho que o setor vai precisar preencher, escolha um bom curso, busque informações sobre a instituição de ensino em que você pretende estudar e se dedique bastante; e falta de dinheiro não é desculpa, eu curso Sistemas da Informação em uma faculdade particular com bolsa integral (ainda bem que eu prestei o ENEM quando ele ainda funcionava...), mas poderia ter ingressado no curso de Análise de Sistemas do IFET aqui em Uberaba, que também é de altíssimo nível; e acima de tudo, veja seu computador como um instrumento de melhoria de vida e não apenas como um meio de xeretar a vida alheia, jogar até desenvolver uma L.E.R. e acessar pornografia...


Salario de um Profissional em TI


Update: Chegou até aqui via Twitter? Então aproveite o microblog e encontre a sua colocação!
Siga:
@rhig
@rhTribal
@job4dev
@curriculumvagas
@conquestone
@vagasnaweb
@trampos

Pode ser interessante para você

1 comentários

#ad

Flickr Images

Web Analytics