El tiempo pasa, nos vamos poniendo viejos

Já a alguns dias eu queria comentar sobre meu primo Jean, e hoje a oportunidade ficou mais evidente... Conheci Jean, quando éramos criança...


Já a alguns dias eu queria comentar sobre meu primo Jean, e hoje a oportunidade ficou mais evidente...
Conheci Jean, quando éramos crianças, ele era loirinho e gordinho, e já usava óculos, era o mais novo dos três filhos da tia Neném: Gisele, Michele e Jean Carlo.

Lembro-me de brincarmos com os brinquedos que eles deixavam na casa dos nossos avós e nossa convivência foi sempre tranquila, sem brigas ou implicâncias...

Bom, Jean cresceu e dos três foi quem manteve o gosto pelo comércio, e apesar de ter se formado em Medicina Veterinária, é muito mais comerciante do que veterinário, tanto que esse mês ele foi eleito o Lojista Jovem pela CDL de Uberaba.

Ontem foi o casamento de Jean com Valéria, sua namorada e companheira e lá na igreja, vendo tantas pessoas da família, vendo aquele homem enorme que um dia fora uma bolinha branca e loura de óculos de aro grosso, tive aquela sensação de estar num dos documentários da BBC de Londres, que costumam passar no Fantástico.

Acompanhamos o ciclo de vida das pessoas; vemos como elas crescem como lidam com os problemas de cada fase, acompanhamos suas conquistas, e participamos de seus momentos felizes...Lembro-me do casamento de Gisele, em que ela chegou de charrete na  Igreja (para desespero do meu tio Carlitos), lembro-me do nascimento do Luís Felipe seu primeiro filho e ontem vê-lo lindo carregando a imagem de Nossa Senhora Aparecida na igreja foi também um momento mágico, de como a vida segue seu caminho num ciclo vitorioso.

Logo será o casamento de Michele, a chegada dos filhos de Jean, a partida de nossa vózinha linda e guerreira, D. Inês, e aos poucos, veremos nossos filhos se tornarem adultos (Luís Felipe é pouco mais novo que o Petrus), terem suas namoradas, casarem, derem nossos netos que por sua vez crescerão e terão suas famílias também e nossa vez de partir e suspirar ao deixar a missão realizada, e de fundo para todas essas passagens, estarão o nascer e o por do sol, os ciclos lunares, as quatro estações, o choro e o riso como fundo sonoro...

PS: essa é "Años" de Pablo Milanés interpretada por Mercedes Sosa,de onde eu tirei o título do Post. É uma música linda, com uma interpretação linda e que fala bem de tudo o q disse neste post...

A Miragem


PS(2): Essa foi a música tocada quando meu primo entrou na igreja: "A miragem" Marcus Vianna

Pode ser interessante para você

1 comentários

#ad

Flickr Images

Web Analytics